Efeitos adversos da polifarmácia

A polifarmácia é caracterizada pelo uso de quatro ou mais medicamentos e é muito frequente na população idosa. O uso de múltiplos medicamentos sem rigorosa avaliação médica aumenta consideravelmente os riscos de toxicidade ao organismo, erros na tomada, menor adesão ao tratamento, bem como de complicações graves, como hospitalização, quedas e até morte.

O Geriatra se preocupa com a avaliação integral e individualizado do paciente idoso, avaliando todos os medicamentos, independentes de terem sido prescrito por ele ou não. Isso é importante para a otimização do tratamento, prevenção de complicações e redução dos efeitos adversos.

Projeto Cuidar

Geriatra

Dra Eliza de Oliveira Borges

CRM-GO 14388 RQE: 9751

Agende sua consulta

Contato: (62) 3218-5034

Endereço: Viva Bem – Rua 132, nº 159, Setor Sul – Goiânia – Goiás.

CEP: 74935-210

Site: https://geriatriagoiania.com.br

Sobre a Dra Eliza de Oliveira Borges

– Graduação em Medicina pela Universidade Federal de Goiás;

– Residência em Clínica Médica pelo Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO);

– Residência em Geriatria pelo Hospital de Urgências de Goiânia;

– Titulada em Geriatria pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG);

– Pós-graduação em Cuidados Paliativos pelo Instituto PalliumLatinoamérica / Medicina Paliativa, Buenos Aires- Argentina;

– Preceptora da Residência de Clínica Médica do Hospital Alberto Rassi- HGG;

– Integrante do Núcleo de Apoio ao Paciente Paliativo (NAPP), Hospital Alberto Rassi- HGG;

– Secretária Geral na Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia Seção Goiás.

Mostre mais

# Geriatria Goiânia

Redação do Geriatria Goiânia

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Fechar
Botão Voltar ao topo